WhatsApp Image 2021-11-30 at 00.02.17 (1)
WhatsApp Image 2021-11-30 at 00.02.17 (1)

press to zoom
WhatsApp Image 2021-11-30 at 00.02.16
WhatsApp Image 2021-11-30 at 00.02.16

press to zoom
WhatsApp Image 2021-11-30 at 00.02.17
WhatsApp Image 2021-11-30 at 00.02.17

press to zoom
WhatsApp Image 2021-11-30 at 00.02.17 (1)
WhatsApp Image 2021-11-30 at 00.02.17 (1)

press to zoom
1/6

O projeto Matapi GESPAR “Gestão Participativa para o Empreendedorismo Consciente de Comunidade Tradicional Ribeirinha à Jusante da Usina Hidrelétrica de Tucuruí” é um projeto de Pesquisa-Ação que busca a TRANSFERÊNCIA DE PROCESSOS e de TECNOLOGIAS SOCIAIS de produtos para melhorar a qualidade de vida das comunidades ribeirinhas tradicionais do estado do Pará. 

A proposta busca oferecer oportunidade às comunidades ribeirinhas em manter suas peculiaridades inseridas no contexto do mundo moderno e sustentável. O público-alvo deste projeto é a comunidade tradicional ribeirinha de Laranjal (Município de Cametá), cujas famílias têm a pesca e o manejo de produtos da biodiversidade local como principais fontes de renda e alimentação, e onde as mulheres participam como peça fundamental dessas atividades produtivas. Dentro da TRANSFERÊNCIA DE PROCESSOS pretende-se incentivar o empreendedorismo consciente na comunidade através de capacitações em gestão participativa, otimizando a captura, comercialização de recursos aquáticos e técnicas de cultivo e comercialização de recursos não madeireiros. Concomitante, será desenvolvido um projeto na escola de Laranjal (projeto LUNETA) direcionado ao incentivo das ciências aquáticas, e que inclui a formação de professores em metodologias de ludicidade e práticas pedagógicas lúdico-científicas com alunos do ensino fundamental. 

Esse projeto integra a conservação e uso sustentável dos ecossistemas ao desenvolvimento econômico local, contribuindo com o desenvolvimento sustentável, combate a pobreza e diminuição das desigualdades de gênero nas comunidades tradicionais ribeirinhas

Projeto Cametá